Um artista decidiu criar as obras mais frustrantes do mundo, na medida em que alterou os formatos dos objectos, já existentes na nossa sociedade, tirando-lhes completamente a utilidade.

Provavelmente queria que tivéssemos a noção do valor destes objectos que utilizamos dia-a-dia de forma banal.


Talvez também queira ler...

Desastre na cozinha

Considera-se um mau cozinheiro? Não faça isso. Tem