Na verdade Fabian Oefner não explode literalmente os carros. Nem eles são reais, mas isso só aumenta o mérito da manipulação fotográfica do designer suíço.

Ele trabalha uma técnica chamada de “vista explodida” ou “perspectiva explodida, normalmente utilizada em aulas de engenharia, manuais de operação e na fabricação de equipamentos, ferramentas ou máquinas.

O sonho de infância de Fabian Oefner era ser designer automóvel. Só que cedo, ele conheceu a fotografia, e  acabou por juntar suas duas paixões para criar a série Disintegrating, com imagens de carros clássicos, de corrida e de rua, “explodindo” e revelando todos os seus componentes mecânicos.

Cada foto que parece retratar uma cena que dura uma fracção de segundo, pode levar até dois meses para ficar pronta e atingir o resultado desejado. Cada foto começa com um sketch a fim de definir a posição das peças e o aspecto geral da imagem.

Em seguida, começa o processo de desmontar a miniatura (Fabian usa sempre modelos muito detalhados, que reproduzem praticamente todos os componentes de um carro em escala) e posiciona as peças de acordo com o que foi estabelecido no primeiro rascunho.

O resultado é simplesmente fantástico e cada foto provoca a nossa admiração.

 

Talvez também queira ler...

Calendário para 2017

É francês, é um excelente fotógrafo e a