Qual a melhor coisa que recebeste de borla?

Um chocolate, no metro, mas depois afinal não era de borla porque veio um drogadito pedir dinheiro por ele. Era um kit kat daqueles grandes que só tem uma barra. Ele disse que nas lojas custava 2,5€. Eu duvido mas ainda não fui verificar.

Qual é a tua piada favorita?

Estar a almoçar, alguém servir-se e dizerem: “Óoo, olha que tem de dar para todos!” Quando foi a última vez que andaste à pancada? Nos saldos, por causa de um pack de 20 meias. Depois cheguei a casa e não me serviam.

Tens alguma fobia?

De sair da casa de banho e ter uma cauda de papel higiénico presa ao cinto e que se arrasta durante metros.

Se tivesses de escolher, preferias perder um braço ou uma perna?

Essa é aquela pergunta que fazem no filme Cidade de Deus lá ao muleque. Já não me lembro do que ele escolheu, mas fiquei muito nervoso nessa cena. Agora lembrei-me e afinal não era perder um braço ou uma perna, era só ter manga curta ou manga comprida. As favelas são duras.

Qual foi o filme que viste mais vezes?

Con Air: Fortaleza Voadora. Adoro o cabelo comprido do Nicolas Cage nesse filme. Mais estilo só se tivesse um fio com uma peseta furada ao pescoço.

Qual é a tua palavra preferida?

Fato-macaco. Porque não tem nada a ver nem com um fato nem com um macaco. Um fato-macaco até se podia chamar de robecaniche que toda a gente ia achar ok na mesma.

Como gostarias que fosse o teu funeral?

Que fosse legal.

Costumas colocar moedas nos parquímetros?

Agora sim. Com as notas aquilo costumava encravar.

Já te pesquisaste no Google?

Não, espera um bocado. Já vi, aparece um Pedro Figueiredo que é jogador de golfe. Mas acho que ele pagou para aparecer primeiro do que eu.

Que super-poder gostarias de ter?
Ser feliz.

Tens medo de insectos?

Se estiverem no ar é na boa. Se estiverem na sopa já tenho medo, e às vezes peço para coarem.

Qual foi a coisa mais nojenta que comeste?

Uma sopa que não passaram pelo coador.

Deus é um homem com uma grande barba branca?

Acho que sim. Se Deus aparecer a alguém de bigode e patilha fininha acho que ninguém acredita que é ele. Fica ali depois um momento estranho.

Se pudesses apagar um filme/livro/álbum do teu currículo, qual seria?

Apagaria a terceira vez que vi o Braveheart. Duas vezes chegava bem. Mas gosto daquela parte em que eles levantam de repente os paus de madeira que estavam no chão. Lembro-me dessa cena sempre que passo na cancela da portagem.

Como gostarias de morrer?

Atirar-me de um prédio alto, mas todo vestido de astronauta. Só para confundir toda a gente.

facebook.com/pedrofigueiredocerto

Talvez também queira ler...

Coral Tattoo – Trash the band

Os Coral Tattoo já gravaram o primeiro EP